Páginas

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

LANÇAMENTO | BIOGRAFIA DE GETÚLIO #3 | COMPANHIA DAS LETRAS




Mais uma vez o Lira Neto estará aqui em Fortaleza para o lançamento do seu novo livro, GETÚLIO - Da volta pela consagração popular ao suicídio (1945-1954), e uma sessão de autógrafos para fechar com chave de ouro o término dessa trilogia de tanto sucesso.

Como vocês podem ver na imagem acima, o evento acontecerá nessa quinta-feira, 28, na Livraria Cultura. Os horários vocês podem observar na mesma imagem também.


Sinopse - Getúlio 1945 - 1954 - Da volta pela consagração popular ao suicídio 

Neste terceiro volume da serie GETÚLIO, Lira Neto visita o período entre a deposição do presidente por golpe militar, em outubro de 1945, e seu suicídio, em agosto de 1954, e nos revela como a história do Brasil se entrançou com a vida de Vargas, inclusive enquanto afastado do poder. Pelas páginas fartamente ilustradas com fotos e documentos, passarão personagens que vão de Samuel Wainer a Carlos Lacerda, de Gregorio Fortunato a Eisenhower, de Tancredo Neves a Nelson Rockfeller, em cuidadosa e saborosa reconstituição dos acontecimentos mais importantes dos anos finais do maior líder político do Brasil no século XX. 

Críticas: 

“Li quase de um fôlego só o primeiro volume do livro de Lira Neto sobre Getúlio. É admirável seu rigor na busca dos fatos, na abstenção de julgamentos morais e o desenrolar de um enredo que mostra o itinerário humano, intelectual e político de um homem que, a despeito do que se pense sobre suas ações e posições, teve a grandeza que só os estadistas possuem.” - Fernando Henrique Cardoso

“Poucas vezes eu vi alguém descrever tão bem a história de Getúlio Vargas e do povo gaúcho como o Lira Neto na primeira parte da sua trilogia. Foi tão impactante para mim que eu me vi andando com Getúlio, fumando um charuto, pela Rua da Praia, em Porto Alegre.” - Luís Inácio Lula da Silva

“Em uma das páginas de seu Diário, escrito entre 1930 e 1942, Getúlio Vargas anotou: ‘gosto mais de ser interpretado do que de me explicar’. Essa observação parece ser um desafio irônico para quem buscasse entendê-lo, em vida ou ao longo da história. Lira Neto está entre os autores que aceitaram o desafio. Seu livro contribui significativamente para a compreensão do personagem que, para bem ou para mal, foi a maior figura política do Brasil, no século XX.” - Boris Fausto

Lira Neto: 

Lira Neto é um jornalista e escritor brasileiro, especializado em biografias.

Lira Neto fez o Ensino Médio na antiga Escola Técnica Federal do Ceará, atual Centro Federal de Educação Tecnológica do Ceará (CEFET-CE), onde cursou Estradas e obteve o diploma de técnico em Topografia. Porém, nunca exerceu a profissão.

Antes de dedicar-se ao jornalismo, trabalhou como professor de História, Redação e Literatura, em vários colégios de Fortaleza.

Cursou Filosofia (Faculdade de Filosofia de Fortaleza), Letras (Universidade Estadual do Ceará) e Jornalismo (Universidade Federal do Ceará).

No jornalismo, começou como revisor do Diário do Nordeste (Fortaleza - CE) e posteriormente transferiu-se para o jornal O Povo, da mesma cidade, no qual ocupou entre outras funções as de repórter especial, editor de cultura e ombudsman.

Nos início do anos 80, ainda morando em Fortaleza, escreveu e publicou poesia alternativa, destacando-se como um dos principais nomes da chamada "poesia marginal" do Ceará. São desta época uma série de folhetos xerocados e mimeografados de sua autoria, como Gamões & Fliperamas, Roteiro dos Círculos e Girassol Marginal.

Radicado na cidade de São Paulo, tem artigos, entrevistas e reportagens publicados em alguns dos principais jornais e revistas do Brasil.

Além de jornalista e escritor, também é editor de livros. Já trabalhou como coordenador editorial de duas editoras: Edições Demócrito Rocha (Fortaleza) e Contexto (São Paulo).

Em 2007 foi agraciado com o Prêmio Jabuti de Literatura, na categoria melhor biografia do ano, pelo livro O inimigo do Rei: Uma biografia de José de Alencar ou a mirabolante aventura de um romancista que colecionava desafetos, azucrinava D. Pedro II e acabou inventando o Brasil (Editora Globo). O extenso subtítulo da obra é uma referência à estética do folhetim do século XIX.



Eu tenho o livro #1, mas ainda não tive tempo de ler.. Como Lira Neto recebe muitas críticas boas, acredito que vale a pena.



Suh.


4 comentários:

  1. Oi Suh tudo bem, eu não curto muito biografias, acho que nem se fosse uma minha ia gostar de ler kkk, mas o pessoal está comentando bem!
    Bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkk Entendo!!
      Nunca li biografias, acho que vou começar por essa já que falaram tão bem.

      Excluir
  2. Oi Suellen...
    Eu não sou muito fã de biografias, mas essa é uma que eu gostaria muito de ler.
    beijos
    http://www.letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, também não sou muito fã mas leria essa sim :)

      Excluir

Gostou? Então participa comentando abaixo ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...