Páginas

sábado, 8 de março de 2014

DIA INTERNACIONAL DA MULHER



História:

 No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.

 A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente desumano.

 Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).


Objetivo da data:

 Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.




 Não sei vocês, mas eu não fico tão animada no Dia Internacional da Mulher :/  Sempre me lembro do ocorrido acima e me dá uma tristeza, mas logo penso em tudo que já conseguimos conquistar e tudo que ainda precisa ser feito.
 Ser mulher, mãe, esposa, profissional, amiga, estudante é difícil e puxado mas a gente adora.. Viver nessa correria, nesse vai e vem, mas no final do dia se olhar no espelho e vê o quão linda e guerreira somos é revigorante. 
 Vivemos em um mundo de injustiças, preconceitos, violência, mas a cada dia estamos conseguindo conquistar nosso lugar na sociedade. Um lugar de destaque, de respeito. Somos a cada dia bombardeadas com magismos e já é tão constante que se tornou normal, mas não é.
  Ao mesmo tempo que somos frágeis e delicadas como uma rosa, também conseguimos ser venenosas e ferir como um espinho. Somos mulheres, "de todas as cores/de varias idades/de muitos amores. Ainda não acreditam na nossa capacidade e acham que somos inferiores aos homens, mas vamos provar que podemos ser tão fortes e competentes quanto. Feliz Dia Internacional da Mulher!!


Até a próxima,
Suh.





4 comentários:

  1. Parabéns às mulheres, principalmente as brasileiras. Merecem respeito e reconhecimento.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista

    ResponderExcluir
  2. Depois que sai da primária e fundamental onde nossas professoras nunca deixam passar uma data comemorativa meio que me desliguei dessas comemorações. Para ser sincera jamais dei atenção a essas coisas independente do que estiver sendo comemorado.
    Foi bom conhecer um pouco mais sobre essa data! Parabéns!

    Beijos
    http://livrosporumbeijo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!! é sempre bom conhecer melhor do que se trata e realmente na escola sempre eramos lembradas, mas depois que o colegial acaba só nos tocamos que é dia da mulher por conta das redes sociais.. Que bom que ajudei.. Parabéens para nós :)

      Excluir

Gostou? Então participa comentando abaixo ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...